Wondernews Outubro 18 – Eco-Condução e condução segura


Sabia que pode poupar até 25% do consumo em combustível se adotar uma eco-condução e uma condução segura? A maneira como conduz, faz toda a diferença… ao adotar hábitos de condução mais eficientes estará a contribuir para um ambiente mais ecológico, para viagens mais seguras, a potenciar as capacidades do seu veículo, a otimizar consumos, a reduzir o ruído e a contribuir para a diminuição do número de acidentes rodoviários, e ainda a poupar dinheiro!

A eco-condução/condução segura permite uma condução mais eficiente contribuindo para reduzir:

– o consumo de combustível;

– a emissão de gases poluentes (principalmente óxidos de azoto e de enxofre) e de partículas resultantes da insuficiente combustão dos hidrocarbonetos;

– a emissão de gases com efeito de estufa (GEE), sobretudo dióxido de carbono (CO2), que contribuem para o aquecimento global;

– a sinistralidade, tendo em conta que se diminuem as acelerações bruscas e as travagens, tornando a viagem também mais confortável.

Dicas práticas para ser um “Eco-condutor” 

Aplique estas medidas básicas no dia-a-dia para obter uma poupança de combustível significativa e contribuir para a diminuição do número de acidentes rodoviários.

Motor

Ligue o motor apenas no momento do arranque do veículo;

Quando parar mais do que um minuto, desligue o motor ou utilize o sistema “start/stop”;

Verifique regularmente o óleo lubrificante e o filtro de ar.

Pneus

Verifique a pressão dos pneus uma vez por mês (uma pressão desadequada danifica os pneus, aumenta o risco de acidente e o aumento do consumo de combustível).

Bagagem

Evite carregar bagagem desnecessária (até +3% do consumo);

Evite carregar bagagem no tejadilho (+5% do consumo).

Velocidade

Circule a velocidade o mais constante possível (para além de ser mais seguro, permite uma poupança de até 15% do combustível).

Mantenha uma distância que evite travagens repentinas e acelere suavemente.

Caixa de velocidades

Use a melhor relação de caixa: troque de mudança com suavidade e trave com o motor (descidas = consumo 0 L/100km);

Evite circular a altas rotações: poupança de até 10% de combustível.

Salte velocidades quando as condições permitam. Por exemplo, ao passar de 3ª para 5ª, está a poupar nos componentes e no consumo. O mesmo acontece nas reduções.

Ventilação

Opte por abrir os vidros (+5% de consumo) em alternativa à utilização de ar condicionado (+10% de consumo).

Trânsito

Adapte a velocidade ao tráfego; 

Evite as horas de ponta.

Dicas para praticar uma Condução segura

Conduzir de forma segura é o mais importante, por isso siga as dicas abaixo para uma condução em segurança. Na estrada é importante zelar pela sua segurança e pela segurança dos que o rodeiam, mantendo-se vigilante e atento ao que se passa à sua volta.

Atenção ao cansaço

Não conduza com sono, uma pequena distração pode fazer a diferença. Caso sinta sonolência e tenha que conduzir de noite é preferível parar e descansar um pouco.
Se tem uma viagem longa pela frente faça pausas, o seu corpo agradece e a sua concentração ficará melhor.

Se conduzir não beba

Parece cliché, mas se conduzir não beba. O álcool faz com que o seu tempo de reação diminua e tenha uma perceção menos nítida do meio à sua volta.

Regras de trânsito 

É imprescindível que conheça as regras de trânsito. A troca de um sinal de trânsito pode ser o suficiente para ocorrer um acidente.
Respeite os limites de velocidade, diminuindo desta forma o risco de acidente.

Condições climáticas

Conduza com maior prudência, nomeadamente quando existe chuva e/ou nevoeiro, já que a visibilidade e o pavimento da estrada não se encontram a 100%.

Não use o telemóvel enquanto conduz

Deixe as conversas para depois e não escreva mensagens ou telefone enquanto conduz. Foque-se no objetivo: conduzir com a máxima segurança. Em caso de necessidade utilize o sistema mãos-livres.

Use sempre o cinto de segurança

Utilize sempre o cinto de segurança, mesmo em pequenas distâncias;
Certifique-se que todos os ocupantes o utilizam corretamente;
Ajuste o cinto firmemente ao corpo, sem deixar folgas;
O cinto deve passar pelo ombro e meio do peito, e a faixa inferior deverá ficar abaixo do abdómen.
Por último não deixe de ver a reportagem realizada pelo jornalista da SIC Pedro Andersson do programa Contas e Poupança sobre Eco-condução: