Wondernews Mar 16 – Condução Económica e Defensiva


O Homem enquanto condutor, peão e passageiro, é inquestionavelmente o principal elemento do sistema de Segurança Rodoviária.
As falhas humanas cometidas no exercício efetivo da condução de veículos, constituem fatores dominantes dos acidentes de viação.
Para uma condução segura:

Se surgir um problema:

  • Não utilize o telemóvel enquanto conduz. Pare o veículo num local seguro, ou peça a um passageiro que faça a chamada por si;
  • Na Auto Estrada, é preferível utilizar o telefone de emergência na berma, já que os serviços de assistência poderão localizá-lo facilmente. Se utilizar o seu telemóvel, procure descrever a sua localização de forma detalhada;
  • Se se vir obrigado a deixar o veículo para procurar ajuda, garanta que os outros condutores o conseguem ver: utilize o colete refletor sempre que esteja no exterior do veículo.

Verifique sempre:

  • Se as luzes funcionam devidamente, e se os espelhos estão limpos;
  • Se os limpas para-brisas e as escovas estão nas melhores condições;
  • Se os pneus estão com desgaste inferior ao mínimo, e com a pressão adequada.

Quando o piso está escorregadio ou com gelo:

  • Conduza devagar, mantendo a distância suficiente para parar em segurança;
  • Evite travagens e acelerações bruscas;
  • Para travar sobre o gelo ou neve sem bloquear as rodas, passe para uma mudança mais baixa, deixe que a velocidade se reduza ao mínimo, e só depois pressione levemente o travão;
  • Se o veículo começar a derrapar, deixe de acelerar, mas não trave bruscamente.

Com nevoeiro:

  • Conduza devagar e com os médios ligados;
  • Use a luz de nevoeiro traseira se a visibilidade for muito reduzida, mas lembre-se de desliga-la logo que possível;
  • Não conduza guiado pelas luzes traseiras do veículo que circula à sua frente. Isto poderá dar-lhe uma falsa sensação de segurança, incentivando-o a aproximar-se demasiado;

Com chuva:

  • Mantenha uma distância segura do veículo que circula à sua frente;
  • Se a direção deixar de responder, provavelmente os pneus não estão a aderir ao piso devido à água. Neste caso, desacelere e reduza gradualmente a velocidade sem travar.

Atitudes e Comportamentos do Condutor Defensivo:

  • Permaneça alerta, ceder o direito de passagem;
  • Tenha em atenção os veículos que transitam ao lado e atrás;
  • Tenha sempre em conta os sinais de mudança de direção;
  • Quando tiver de ultrapassar outro veiculo, verifique o trânsito tanto à frente como atrás, sinalizando de forma adequada a mudança de faixa;
  • Sinalize também a intenção de voltar à faixa original, voltando à sua velocidade normal logo que tenha ultrapassado em segurança;
  • Ajuste a velocidade às condições meteorológicas; se sentir o veiculo a patinar, oriente o volante para a direção que pretende seguir;
  • Mantenha o veículo em condições ótimas de funcionamento. Não conduza com os travões gastos ou com os pneus em mau estado.

Como reduzir o consumo de combustível

Siga as dez dicas para conduzir de forma mais eficiente:

  1. Mantenha o veículo bem afinado e verifique o nível do óleo regularmente (os peritos aconselham a verificação do nível do óleo sempre que se encha o deposito de combustível). Os veículos bem afinados ajudam a reduzir as emissões de CO2;
  2. Verifique a pressão dos pneus todos os meses;
  3. Retire carga desnecessária do porta-bagagens e assentos traseiros. Quanto mais peso estiver no veículo, mais esforço tem o motor de fazer e mais combustível consome;
  4. Feche as janelas, especialmente a velocidades mais elevadas e retire malas de tejadilho vazias;
  5. Utilize o ar condicionado apenas quando necessário;
  6. Comece a conduzir logo após ligar o motor e desligue-o quando estiver parado por mais de um minuto;
  7. Conduza a velocidades razoáveis e, acima de tudo, conduza suavemente;
  8. Ao acelerar, nos veículos de caixa manual, mude de mudança o mais cedo possível, por volta das 2000 rpm;
  9. Tente antecipar o fluxo de trânsito. Olhe para a frente, o mais longe possível, para evitar paragens e arranques desnecessários;
  10. Considere a partilha de automóvel para trabalho ou lazer. Vai ajudar a reduzir os congestionamentos de trânsito e o consumo de combustível.